sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Isabel

Era caminhos, a cada metro um fim.
O silêncio lhe percorria.
Cheirava a flores: cravos e jasmim.

Um comentário:

  1. Pena q se foi... sorte de caminhos diferente a cada metro.

    ResponderExcluir